quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Saindo da Caverna

Texto Bíblico:
1 Reis 19:11-18

19.8 Levantou-se, pois, comeu e bebeu; e, com a força daquela comida, caminhou quarenta dias e quarenta noites até Horebe, o monte de Deus.
________________________________________
19.9 Ali, entrou numa caverna, onde passou a noite; e eis que lhe veio a palavra do SENHOR e lhe disse: Que fazes aqui, Elias?
________________________________________
19.10 Ele respondeu: Tenho sido zeloso pelo SENHOR, Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derribaram os teus altares e mataram os teus profetas à espada; e eu fiquei só, e procuram tirar-me a vida.
________________________________________
19.11 Disse-lhe Deus: Sai e põe-te neste monte perante o SENHOR. Eis que passava o SENHOR; e um grande e forte vento fendia os montes e despedaçava as penhas diante do SENHOR, porém o SENHOR não estava no vento; depois do vento, um terremoto, mas o SENHOR não estava no terremoto;
________________________________________
19.12 depois do terremoto, um fogo, mas o SENHOR não estava no fogo; e, depois do fogo, um cicio tranqüilo e suave.
________________________________________
19.13 Ouvindo-o Elias, envolveu o rosto no seu manto e, saindo, pôs-se à entrada da caverna. Eis que lhe veio uma voz e lhe disse: Que fazes aqui, Elias?
________________________________________
19.14 Ele respondeu: Tenho sido em extremo zeloso pelo SENHOR, Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derribaram os teus altares e mataram os teus profetas à espada; e eu fiquei só, e procuram tirar-me a vida.


Já sentiu vontade de desistir? Elias sentiu.

Muitas vezes a rotina da nossa vida nos envia para a caverna, lugar de se esconder, de se privar e de se fechar em si mesmo.
Os problemas acumulados nos desanimam, e a situação que esperamos que mudasse ficam na mesma, pelo menos aparentemente.


Elias estava desanimado com tanta perseguição!
O Senhor acabara de usá-lo para mostrar à nação de Israel que o Senhor é Deus (1 Reis 18). No entanto, as ameaças da rainha Jezabel assustaram-no de tal forma que ele correu para Berseba, a 160 km ao sul (1 Reis 19:3), e andou mais 240 km em direção ao sul, para o monte de Deus, chamado Horebe.
Deus perguntou duas vezes a Elias o que ele estava fazendo ali (vv.9,13). Elias respondeu-lhe duas vezes, com palavras idênticas — “…eu fiquei só, e procuram tirar-me a vida” (vv.10,14). Ao preocupar-se com seus próprios temores, esquecera do que Deus fizera através dele, no Monte Carmelo. Apesar de sua grande vitória, Elias mergulhou nas profundezas do desânimo. Como é fácil fazermos o mesmo!

Cuidado para que seus temores não lhe tirem a fé!
19.10 Ele respondeu: Tenho sido zeloso pelo SENHOR, Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derribaram os teus altares e mataram os teus profetas à espada; e eu fiquei só, e procuram tirar-me a vida.
19.14 Ele respondeu: Tenho sido em extremo zeloso pelo SENHOR, Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derribaram os teus altares e mataram os teus profetas à espada; e eu fiquei só, e procuram tirar-me a vida.

Qual é o motivo da sua introspecção?
Às vezes ficamos fazendo a mesma coisa que Elias: murmurando a mesma coisa, então não progredimos! O temor de Elias era tão grande que Ele não se lembrava mais do poder que Deus havia mostrado a ele.
Quando sobrevém as dificuldades da vida precisamos permanecer em oração e comunhão com o Senhor. Sua presença dissipa os temores e nos fortalecem a vida.


Cuidado para não entrar na “caverna”!
19.9 Ali, entrou numa caverna, onde passou a noite; e eis que lhe veio a palavra do SENHOR e lhe disse: Que fazes aqui, Elias?
19.13 Ouvindo-o Elias, envolveu o rosto no seu manto e, saindo, pôs-se à entrada da caverna. Eis que lhe veio uma voz e lhe disse: Que fazes aqui, Elias?

Temos um instinto natural de se entregar à tristeza e à autocomiseração. Ficamos procurando desculpa para os fracassos, culpados para a nossa desgraça, etc.
Muitas pessoas ficam depressivas porque abandonam a comunhão da igreja, dos amigos e entram num abismo sem fim. O caminho mais curto para o fracasso e o esquecimento é a caverna!


O melhor lugar para estar é no monte, perante o Senhor!
19.11 Disse-lhe Deus: Sai e põe-te neste monte perante o SENHOR. Eis que passava o SENHOR; e um grande e forte vento fendia os montes e despedaçava as penhas diante do SENHOR, porém o SENHOR não estava no vento; depois do vento, um terremoto, mas o SENHOR não estava no terremoto;

Deus nos mostra que quando estamos diante Dele, pode haver vento ou terremoto, mas na sua presença estaremos seguros.
Foi muito interessante um haitiano, vítima de terremoto em Janeiro de 2010 que matou quase 100 mil pessoas, soterrado por destroços responder ao repórter: MINHA VIDA ESTÁ NAS MAOS DE JESUS!
Ali havia confiança!


Deus não aceitou o aviso da desistência de Elias. Ao invés disso, Ele enviou seu servo cansado a cuidar de três tarefas ainda maiores (vv.15-17). E por falar nisso, Elias estava errado quando disse que era o único fiel que sobrara. Deus tinha outros 7.000 que não haviam dobrado seus joelhos a Baal (v.18).
Talvez, como Elias, você esteja desesperado com as circunstâncias em sua vida. Deixe que Deus fale com você (v.12). Ao invés de permitir sua desistência, Ele lhe mostrará o que você pode fazer por meio de Sua força.

Um comentário:

Ministério Avança disse...

Halleluiah!!!
Pr Fábio!!!
ótimo blog e poderosas ministrações.
Glória a Deus por sua vida.

Sou da Igreja Internacional da Reconciliação - IIR e gosto muito da geração de Elias que Deus está levantando.

Abraço.