quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Pois é...

Assisti a entrevista do Silas com a Gabi.

É de ficar paralisado. Não pelo que ele fala, mas pela atitude intolerante, e fundamentalista. Ponto para a Gabi, com sua tolerancia e que se revolta com os deuses dos fundamentalistas. "Que o meu Deus, que nao sei se é o mesmo teu, te perdoe", terminou ela.

Não existe teologia certa que fique em pé diante da falta de amor.

Tem os evangélicos realmente o mesmo Deus?

Shalom.

Nenhum comentário: