quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

"Compre um Terreno”


Quebra-Gelo:
Andou pensando em comprar um terreno ou casa neste ano?

Texto Bíblico:
Mateus 6.19-21
6.19   Não acumuleis para vós outros tesouros sobre a terra, onde a traça e a ferrugem corroem e onde ladrões escavam e roubam;

6.20   mas ajuntai para vós outros tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói, e onde ladrões não escavam, nem roubam;

6.21   porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração.

2 Pedro 3:13
Nós, porém, segundo a sua promessa, esperamos novos céus e nova terra, nos quais habita justiça. —

Objetivo da Meditação:
Motivar a Busca pelo Reino de Deus

Introdução
Vivemos no tempo da prosperidade. Todos querem comprar e investir para o futuro. É comum ouvirmos que precisamos comprar um terreno ou uma casa. Estamos muito preocupados com os bens materiais. Recentemente vimos que os brasileiros estão investindo muito em MIAMI. Isto não é pecado nem incredulidade. Mas em meio a tudo isto, já pensou também seriamente em investir no terreno do Céu?
Em um comercial de televisão que vi recentemente, as crianças discutiam no assento de trás do carro sobre onde deveriam jantar. Uma queria pizza; a outra preferia frango. A mamãe, no assento dianteiro do passageiro, disse: “Hoje vamos comer hambúrgueres.”
Papai rapidamente resolveu a discussão familiar com a seguinte ideia: “Vamos parar num restaurante bufê, e cada um poderá comer o que e o quanto quiser.” O comercial termina assim: “Resolva os problemas da refeição em sua família. Vá ao restaurante a ‘Terra do Mais.’” Quando vi o comercial, pensei em outra “Terra do Mais”: o céu. É um lugar onde haverá tudo o que precisarmos. O principal é que estaremos na presença do Deus Todo-Poderoso.


Desenvolvimento
Ao descrever o céu, o apóstolo João disse que lá “…estará o trono de Deus e do Cordeiro…” (Apocalipse 22:3). Nossas almas sedentas serão completamente satisfeitas com o “rio da água da vida” que sai do Seu trono (22:1), porque Ele diz ao Seu povo, “…Eu, a quem tem sede, darei de graça…” (21:6). Outro “mais” nesta terra será a árvore da vida “…para a cura dos povos” (22:2). Não encontraremos nesta terra do “mais” as maldições (22:3), a morte, a tristeza e as lágrimas (21:4).

A Bíblia nos ensina a investir na nossa Morada Eterna. Por isto vale a pena meditar que:

1)- Nesta terra, ladrão rouba, ferrugem consome e traça corrói
Mt 6.19   Não acumuleis para vós outros tesouros sobre a terra, onde a traça e a ferrugem corroem e onde ladrões escavam e roubam;

É impressionante ver que aquelas pessoas que moram sob enchente se recusam a sair dali, pois “eles vem e rôbam as coisa da gente”. Ninguém está seguro com suas posses e a opressão do medo de perder ou a ansia por ganhar tornam as pessoas escravas e apegadas a esta vida.  Até que um dia tudo o que tem fica para as mãos dos outros. Alguém disse que pobre é engraçado: nunca tem nada e quando vem a chuva perdem tudo o que tem!
Jesus deseja nos dar ânsia pela vida eterna!


A Bíblia nos ensina a investir na nossa Morada Eterna. Por isto vale a pena meditar que:

2)- No céu não tem explosão de caixa eletrônico
6.20   mas ajuntai para vós outros tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói, e onde ladrões não escavam, nem roubam;

Quem conquista o céu já conquistou a terra.
William Rutberford dizia: Viva em Cristo e você estará nos arredores do céu. Só haverá uma parede fina entre você e a terra dos louvores. Você estará navegando a uma hora da praia da nova Canaã.
O Apóstolo Paulo dizia:
Filipenses

1.21   Pois para mim viver é Cristo, e morrer é lucro.


A Bíblia nos ensina a investir na nossa Morada Eterna. Por isto vale a pena meditar que:

3)- Nosso coração é o depositário da verdadeira riqueza
6.21   porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração.

Quem confia no Senhor sabe que, ao agarrar-nos a um senso deplorável de segurança, derrotamos completamente a possibilidade de liberdade e vitória. Assim como a alvorada da fé requer o ocaso de nossa incredulidade anterior, de nossas falsas idéias, nossas convicções errôneas e circunscritas, também a alvorada da confiança exige o abandono de nosso desejo por confortos materiais e espirituais. A segurança no Senhor Jesus implica em não calcularmos, nem contarmos mais os custos.

O homem de Deus cantava:
Salmos

131.2   Assim, como a criança desmamada fica quieta nos braços da mãe, assim eu estou satisfeito e tranqüilo, e o meu coração está calmo dentro de mim.


Conclusão
No mundo porvir seremos completamente satisfeitos. Você está pronto para ir?
Pr. Fábio Alcântara

Nenhum comentário: