quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Bençãos ou maldiçoes



 

CASTIGO X CONSEQUENCIA

Castigo: do ponto de vista de Deus não existe mais para aquele que crê. Jesus Cristo já recebeu sobre si toda a maldição da lei. A punição do pecado já foi feita no sacrifício de Jesus Cristo.

Consequência: se cutucamos abelhas, levamos ferroadas, é consequência e não castigo.

Aí temos imperícia, imprudência, desobediência, que trazem consequências dos atos, voluntários ou não.

 

DECEPÇÕES

As decepções são frutos das expectativas. Só é assim porque esses alvos que almejamos não acontecem. Ex: jogos que uma pessoa faz e não ganha.

Muitas das nossas idealizações não acontecem como gostaríamos.

Isso não é maldição.

Do ponto de vista bíblico, as maldições perderam os dentes na cruz. Elas caíram sobre Jesus Cristo.

As decepções perdem a força quando temos nossas vontades sepultadas na vontade de Deus.

Minhas decepções são as escadas que descem para a dependência de Deus.

 

Quebras de maldições: produto no mercado religioso.

Gálatas 3.13 -  Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se ele próprio maldição em nosso lugar (porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado em madeiro ),

Isso é anular o sacrifício de Jesus Cristo. O líder que promove isso não é honesto nem consigo nem com os outros.

Isso é encabrestar as pessoas, pelos medos, pelos interesses e prende-las nos seus sistemas. É colocar os crentes em liberdade condicional.

No dicionário de Deus não existe Decepção.

Romanos



  8.28   Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.
 
 8.28   E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados por seu decreto.
 
 8.28   Pois sabemos que todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles a quem ele chamou de acordo com o seu plano.

Ele faz com que todas as coisas cooperem para o nosso bem.

Não que todas as coisas são boas em si mesmas, mas em Deus vão contribuir para o bem dos que amam a Deus.
 

Nenhum comentário: