terça-feira, 30 de agosto de 2016

Esperar no Senhor...


Salmo 27.14 Confie no SENHOR.  Tenha fé e coragem. Confie em Deus, o SENHOR.

 

Uma das posturas mais difíceis que existe na vida do cristão é a espera com oração e pequenos movimentos de fé. Esperar não é fácil. Queremos mesmo é sair fazendo, dando nosso jeitinho, alimentando nossa ansiedade com uma pecaminosa celeridade da vida.

Nossa carne deseja mesmo: Converter os religiosos que estão à nossa frente, ao invés de esperar o Espírito agir na sua forma mansa de amolecer a pedra dura, assim como o tempo faz com as duras rochas; alimentar o desejo de vingança com aqueles que perseverantemente desejam nosso mal; sair impondo nosso jeito de administrar as coisas, impedindo que as pessoas amadureçam durante os erros que cometem; e que possam nos mostrar uma possibilidade de que não estávamos tão certos assim; resolvendo as situações difíceis do nosso jeito para interromper nosso sofrimento egoista. Afinal queremos estar no sofá, sem problemas à nossa volta que nos atrapalhem o bem estar. Sair desesperadamente atrás do povo da igreja com suas necessidades infinitas, na tentativa de manter o sistema girando, numa escravidão eterna de um ciclo mercadológico, mundanizado, deixando o povo ditar a vida do ministro, assim como Moisés fora encontrado por Jetro, em total estado de torpeza emocional.

Esperar não é fácil. É atitude de fé. Uma das mais difíceis matérias do cristão, que ganhou a eternidade, mas não se deu conta dela. Quem adquire essa dádiva, perdeu a pressa. Marchar, e fazê-lo rapidamente é muito mais fácil para os guerreiros do Senhor do que esperar pela voz de comando e permanecendo parado.

O que fazer então? Atormentar-se pelo desespero? Recuar com covardia? Virar à direita com medo? O precipitar-se na presunção? Não. Simplesmente esperar. E esperar com oração. Clamando a Deus e desdobrar o caso diante Dele.

Em dilemas entre um dever e outro, é doce ser humilde como uma criança e esperar pelo Senhor com simplicidade de alma. Espere em fé. Expresse sua firme confiança nEle, pois a espera sem fé é um insulto ao Senhor. Espere com paciência apaziguada, sem rebelar-se por estar em aflição.

Spurgeon ensina a orar: Agora Senhor, não mais a minha vontade, mas a Tua vontade seja feita. Eu não sei o que fazer, mas esperarei até que o Senhor libere o rio, mova a nuvem ou que os inimigos recuem. Esperarei até que o Senhor me faça esperar por muitos dias, pois meu coração está fixado somente no Senhor, e meu espirito espera na convicção plena de que serão minha alegria e minha salvação, meu refúgio e minha fortaleza.

Pr. Fábio Alcântara

Nenhum comentário: