terça-feira, 16 de junho de 2009

Resposta de um amigo ao texto Bom dia Cavalo

Olá Fábio, li e apreciei muito seu texto Bom dia cavalo. Eu mesmo quase entrei numa fria a uns anos atrás, quando era pastor em.... Foi um rapaz me procurar em meu gabinete muito bem vestido e falando muito bem a língua portuguesa, me pedindo ajuda para gasolina, pois seu carro estava parado no semáforo com a esposa e filha. Aí eu muito ingênuo e inocente, falei que dinheiro eu não costumava dar mas que eu iria com ele até o local onde o carro estava parado. Coloquei ele em meu carro, esse foi meu grande erro, de repente ele falou que era mentira e que precisava de dinheiro e me mostrou uma arma. Eu não tinha dinheiro mesmo porque se eu tivesse eu teria dado, na verdade acabei dando R$ 4,00, pois era o que tinha na ocasião. Fiquei rodando com ele no carro debaixo daquela tensão, até que de repente ele falou: - Para o carro que eu quero descer, mas eu volto hein. Na verdade fui muito inocente e ingênuo, aprendi uma grande lição neste dia, sou sempre grato a Deus pelo seu livramento. Como você citou em seu texto: ... Sejam espertos como as cobras ... Mt. 10.16. Abraço...

Nenhum comentário: