quinta-feira, 9 de julho de 2009

É melhor o intenso do que o extenso

Pérola de Sabedoria:
"A perfeição não está na quantidade, mas na qualidade. Tudo que é muito bom sempre foi pouco e raro: usar muito o bom é abusar. Entre os homens, os de corpo gigante costumam ter cérebro de anão. Alguns gostam dos livros por seu tamanho, como se fossem escritos para exercitar os braços mais que a inteligência. A quantidade sozinha nunca pôde ir além da mediocridade. É uma praga dos homens universais querer tudo entender, porque não se destacam em nada. O intenso produz excelência e, se o assunto for muito importante, fama".
Baltazar Gracian

Um comentário:

Danilo Fernandes disse...

Pastor Fábio!

Perfeito. Sé a simplicidade pode ser cortante como navalha.

Navegando por ai achei seu blog. Surpresa boa. Vou segui-lo a partir de agora. Quando tiver um tempinho, vá visitar meu blog também, o Genizah.

A paz!

Danilo